Mostrando 2539 resultados

Descrição arquivística
Imagem Com objetos digitais
Visualizar impressão Visualizar:

SP-304 (Corumbataí)

Iconografia que registra a construção de uma ponte, que de acordo com as informações inscritas no envelope para acondicionamento dos negativos, trata-se de uma ponte existente na SP-304 (Corumbataí). No fundo da imagem é possível observar uma torre, com a inscrição "Klabin".
Fotografia feita em 21 de maio de 1999 pelo fotógrafo da Câmara Municipal de Piracicaba, Davi Negri.

Ata - 07/06/1823

Ata da reunião de 07 de junho de 1823, sem desenvolvimentos por falta de Procurador, por não estar este provido e eleito
Documento registrado pelo escrivão João Luiz Leitão Freire e assinado por: Bueno, Barros e Castro.

Sem título

Ata - 17/02/1831

Ata da reunião de 17 de fevereiro de 1831, onde houve Sessão Extraordinária e foi deliberado sobre a posse do Sargento Mor Domingos Soares de Barros para Juiz de Órfãos da Vila, representação do Juiz de Paz sobre a necessidade da criação de uma Casa de Correição.
Documento registrado e escrito pelo Secretario Francisco Florencio do Amaral e assinado por Roza, Fiuza, Passos, Gorgel e Silva.

Ata - 08/10/1840

Ata da reunião ordinária de 08 de outubro de 1840, onde tratou-se sobre: Em sessão, a comissão, examinando o requerimento de Francisco Jose Machado, não podendo decidir se esse tenha com efeito os oitenta e seis discípulos em efetivo ensino, embora exista o documento do suplicante. Vereadores ficaram encarregados de comprovar se o dito professor tenha efetivamente ensinado oitenta e seis meninos. Leram o parecer sobre os artigos das posturas, um requerimento de Jose Balbino Lopes sobre petições, e finalizaram com a leitura de carta de datas e o pagamento do escrivão do municipio.
Documento redigido pelo secretario Jose Lopes de Siqueira e assinado por: Jose Alvares de Castro; João Carlos da Cunha; Manoel da Rocha Garcia; Joaquim de Marins Peixoto; Ignacio Ferreira de Camargo; e Ignacio Jose de Siqueira.

Francisco Ferras de [Carvalho]

Registro do título de Francisco Ferras de [Carvalho], para servir ao cargo de 5º suplente do Juiz Municipal de Órfãos da Vila da Constituição. – Título do palácio do governo de São Paulo, sob assinatura de Manoel da Fonseca Lima e Silva

Ata (06/10/1850)

Reunião ocorrida no consistório da Irmandade do Santíssimo Sacramento, em [06] de outubro de 1850, com a presença do Reverendo Vigário Manoel José da França, para a eleição de provedor e mais empregados da Irmandade. Sendo eleitos: Albano Leite do Canto (Provedor); Francisco José da Conceição (Secretário); Joaquim da Silva (Procurador) e Domingos José Lopes Rodrigues (Tesoureiro). Na mesma foram nomeados os irmãos da mesa: Joaquim Rodrigues Cezar, José Pinto de Almeida, Joaquim Floriano Leite, Joaquim Jose de Oliveira, [Joaquim] Aranha de Camargo, Ignácio de Vasconcellos Cunha Caldeira, João Francisco de Oliveira Leme, Joaquim Antonio Fernandes, Joaquim de Oliveira Bueno, Marcelino José Pereira, Melchior de Mello [Castanho], Pedro Domingues Paes Leme, Rafael de [Silveira] Vieira, Manoel Duarte Novais, Salvador de Ramos Correa, Antonio José de Almeida, Bento Manoel de Moraes, Antonio José da Silva Gordo, Antonio Fiusa de Almeida e José Viegas Muniz. Ata lavrada pelo secretário Francisco José da Conceição e assinada por todos os presentes.

Irmandade do Santíssimo Sacramento

Estação de Captação, Tratamento e Bombeamento de Água

Fotografia de pessoas na inauguração do sistema de abastecimento de água em Piracicaba, em 26 de maio de 1887, numa quinta-feira, às 5 horas da tarde, no jardim público da Matriz (Santo Antonio), atual praça José Bonifácio.
Pesquisas demonstram que em meados de 1824 o abastecimento de água da cidade já começava a preocupar a classe política, pois para se ter água em casa era necessário ir até o rio e retirar a água bruta em baldes e latões, que eram transportados em carroças ou no lombo dos animais.
em 1884 foi aprovada pela Câmara a lei que autorizava o município a contratar o engenheiro Fernando de Matos para executar os projetos voltados ao abastecimento. O contrato fora descumprido, fazendo com que a Câmara chamasse outros concorrentes. Em novembro de 1885, quatro propostas foram enviadas à Câmara e a vencedora foi de autoria de João Frick e Gregório Gonçalves de Castro. Um mês após, o engenheiro Hidráulico João Frick assina contrato com a Câmara e se associa ao construtor italiano Carlos Zanota. É dado o inicio da construção do primeiro reservatório, no bairro Alto, com capacidade para armazenar 2 milhões de litros de água. No início da primeira fase ainda não era possível abastecer as residências com água encanada, chegando apenas no chafariz da praça central, onde ocorreu a inauguração do “repuxo do jardim” em 26 de maio de 1887 - conforme foto acima. Meses após a experiência com o chafariz, deu-se início ao abastecimento das primeiras casas com 250 litros de água por dia.

Catedral de Santo Antônio (1887)

Iconografia, sem informação quanto sua procedência, que registra a inauguração do sistema de abastecimento de água em Piracicaba. Tal foi inaugurado no dia 26 de maio de 1887, numa quinta-feira, às 5 horas da tarde, no jardim público da Matriz (Santo Antônio), atual praça José Bonifácio.

Pela Instrucção e Pelo Progresso - Culto Cívico e Esthetico

Livro por Pedro de Mello, ex-diretor do Grupo Escolar "Barão do Rio Branco", em Piracicaba e lente de francês da Escola Normal na mesma cidade. O livro, com data de 1911, tem como editora a Duprat & Comp, e em sua contracapa a seguinte inscrição manuscrita do autor "A Escola Normal de Piracicaba - para a sua Biblioteca - O Autor - 1922-2022". No final da dita bibliografias há partituras de hinos, como a do Rio Branco e do 13 de Maio.

Pedro de Mello

Le Groupement des bons élèves

Livro intitulado "Le Groupement des bons élèves, Session inaugurale!", escrito por Pedro de Mello, professor de francês da Escola Normal Primaria de Piracicaba. O livro aborda o pretexto literário em francês, na capa existe escrita a seguinte dedicatória: "A Escola Normal de Piracicaba (para a sua Bibliotheca) 1922-2022 OFF° o Autor". Além de uma dedicação do autor escrita em francês para o diretor da Escola Normal Primaria de Piracicaba, o senhor Honorato Faustino de Oliveira: "A Mr. Honorato Faustino de Oliveira (Prof.) trés digne Directeur de I'École Normale Primaire de Piracicaba.
L'organisateur de l'agréable et interessante session sientifique-litteraire-musicale, du 11 juin, qui a laissé un charmant souvenir dans l'esprit de ceux qni à elle ont assité, Offre et dédie.", onde ele agradece ao diretor por ter participado de um evento científico-literário-musical. O livro foi publicado na data de 11 de junho de 1912, e tem como editora a "Typographia da Livraria Americana PIRACICABA".

Pedro de Mello

Exibindo 1-10 de 2539 resultados